Fotografando

Na estrada da vida somos passageiros

“A vida assemelha-se a um caminho que até pode parecer retilíneo no começo, mas no decorrer da viagem logo percebe-se a sua curvatura, os seus altos e baixos. O tempo, a viagem segue e quando você já se encontra quase na metade do caminho, enfim consegue notar que ele nunca foi reto, nenhuma vez sequer. Então você volta a olhar pra frente e já não vê mais a trajetória de antes. Ao enxergar as circunstâncias, que muitas vezes te jogam no asfalto, é inevitável não sentir medo de continuar… Você pensa se vale a pena seguir, você se pergunta onde esse caminho vai dar e se questiona se realmente é isso que quer, descobrir. E como na vida, o caminho pode até parecer incerto, as dúvidas sufocantes e o medo constante mas você logo percebe que sempre haverá algo ou alguém que te dê forças ou que lhe estenda a mão pra te ajudar a prosseguir e o principal, alguém que te dê motivos pra não desistir.”  (Autor desconhecido)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s